"Meu deleite é escrever: sobre a enfermagem, o cuidar e o viver" - Onã Silva

Onã Silva - A Poetisa do Cuidar

"...o homem criativo é o homem comum do qual nada se tirou". Abraham Maslow

. Estomaterapia: cuidado à fina flor da poesi... Onã Silva A Poetisa do Cuidar
.. A viagem fantástica em cordel pela histór... Onã Silva A Poetisa do Cuidar
.. As ondas revitalizadoras da criatividade n... Onã Silva A Poetisa do Cuidar, Maria Cristina Soares Rodrigues
.. Era uma vez... histórias das práticas do c... Onã Silva A Poetisa do Cuidar
.. Girassóis nos campos da enfermagem Onã Silva A Poetisa do Cuidar
.. Girassóis nos campos da enfermagem (KIT co... Onã Silva A Poetisa do Cuidar
.. Só conto pra você Onã Silva A Poetisa do Cuidar
... O monstrão com o pé de alface atrás da or... Onã Silva A Poetisa do Cuidar
...A Casinha de Clarinha (Coleção Letrita Ca... Onã Silva A Poetisa do Cuidar
...Enfermagem com poesia sensível na pandemi... Onã Silva A Poetisa do Cuidar
..Cuidar e rimar é só começar Onã Silva A Poetisa do Cuidar
..Grandes Enfermeiras - Histórias da Enferma... Onã Silva A Poetisa do Cuidar
..Que cordelim lindim Onã Silva A Poetisa do Cuidar
.CORDEL DO TRABALHADOR: do labor até o burnô Onã Silva A Poetisa do Cuidar
.ENFERMAGEM COM POESIA: a arte sensível cuida... Onã Silva A Poetisa do Cuidar, Elioenai Dornelles Alves, Vários autores
.Histórias da enfermagem no universo de corde... Onã Silva A Poetisa do Cuidar
.Voa Balão! Voa Imaginação! Onã Silva A Poetisa do Cuidar
A Derrota de Penina Onã Silva A Poetisa do Cuidar
A Literatura das Mulheres da Floresta (ESGOTA... Autores diversos
A Quadradinha de Gude - 2ª edição Onã Silva A Poetisa do Cuidar
A Quadradinha de Gude (esgotado) Onã Silva A Poetisa do Cuidar
Anjinho Minho... Mãezinha Minha... Onã Silva A Poetisa do Cuidar
BOTTON CUIDARTE: Cuidar é arte, brincar faz p... Onã Silva A Poetisa do Cuidar
BOTTON do livro "Enfermagem com poesia" (kit ... Onã Silva A Poetisa do Cuidar
BOTTON do livro Estomaterapia: cuidado à fina... Onã Silva A Poetisa do Cuidar
BOTTON do livro Voa Balão... Voa Imaginação..... Onã Silva A Poetisa do Cuidar
Coletânea A Arte de Ser Mulher - Poesia Femin... Onã Silva A Poetisa do Cuidar, Vários autoras
Cronistas, Contistas e Poetas Contemporâneos ... Onã Silva A Poetisa do Cuidar, Adilar Signori, Alexandre Bonafim e outros
Enfermagem com Poesia: a arte sensível do cui... Onã Silva A Poetisa do Cuidar, vários autores
ESPELHINHO do livro Enfermagem com Poesia Onã Silva A Poetisa do Cuidar
Textos


Retrato de um rosto enrugado
 
Eu não suporto ver
Essas rugas que deformam teu rosto
Outrora róseo, aveludado,
Agora, tens faces retalhadas por sulcos
Profundos
Onde as lágrimas vencidas
Jorram, incessantemente, trazendo-te
Amargura
E desfilam escoltadas pelo silêncio
Tenebroso
Silêncio de morte
Morte da alma!
 
 
É triste vê-lo longuínquo
Esquivando-se do afeto dos seus
Somente a balbuciar: “estou legal”
Frase tola! Quase inconsciente.
Teus olhos te condenam
São brasas vivas a te queimar...
Fixos na fumaça que enrodilha como
Serpente nas tuas vistas
Fixos nas escórias da erva maldita!
 
Tornaste-te desgraçadamente triste!
Nem cadeias, nem grilhões
Podem deter teu clamor estridente
Pelos montes
Vagueias pelos sepulcros,
Despido,
Ferindo-te com pedras
Pedras que te torturam
Até à alma
Dia e noite
Por que te matas, assim, lenta (mente)?
 
Tenho pena de ti
Fingindo seres feliz e
Torturando-te com estas pedras
Não és feliz!
Teu sorriso não passa
De um esboço sombrio
E a alegria que tentas demonstrar
É o retrato da angústia da tua alma!
 
Venha você! Ajude-me a salvá-lo
Não se ria do seu corpo magérrimo
Nem dos seus olhos protusos e vermelhos
Por que se esquiva?
E se ele for seu filho caçula ou o primogênito?
Ou seu irmão, ou mesmo seu pai, ou esposo?
Sim, pode ser!
Ele está á beira da morte
Assentado entre cadáveres do vício
Na mais assombrosa escuridão
E sem Deus. 


Tenho pena desse rapaz que há mais de dez anos está assentado entre os cadáveres do vício, à beira da morte e sem Deus.
Poema publicado no livro O Sol da Justiça, da minha autoria

Onã Silva A Poetisa do Cuidar
Enviado por Onã Silva A Poetisa do Cuidar em 05/04/2010
Copyright © 2010. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras
Amigo virtual, Onã Silva - A Poetisa do Cuidar convida você para uma visita e para bater um bom papo neste recanto literário-expressivo-criativo. Página de ideias criativas, poéticas e artísticas Criatividade e arte estão no ar! E-mail:onasilva@onasilva.com.br